Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012
Você diz não acreditar no amor, mas suas ações te contradizem. Você diz que tudo isso é uma grande bobagem, mas o jeito que você me abraça... É como se tivéssemos uma conexão. Você me abraça como se não quisesse que eu jamais partisse. Eu sinto como se você fizesse parte de mim. (...)
E ele disse: “Assim será durante todos os dias, nos amando com a intensidade de um furacão e com a tranquilidade e a pureza de uma flor. Eu serei seu eterno menino e você minha eterna menina. E mesmo com o passar dos dias, isso ainda será assim”. E é claro, era tudo uma grande mentira.

Telefone

- Era ele no telefone? - Por que você sempre acha que é ele? - Era ou não? - Não é tudo sobre ele na minha vida, sabe? - Você não me respondeu. Era? - Talvez. - Talvez? - Tá bom. Era ele sim. - Eu sei. Você tenta esconder que ainda o ama, mas o seu sorriso te entrega o tempo todo.

Volta amanhã

Olha, perdoa-me pela minha loucura, talvez você não vá querer me olhar depois de tudo isso, mas se eu te disser sim, agora, o nosso amor estará destinado a morrer. Se eu aceitar ser sua, aceitar os seus presentes e essas rosas bonitas, a nossa contagem regressiva iniciará e dentre alguns meses nos transformaremos de tudo a nada. Digo, serão perfeitos os primeiros dois meses ou três. Você me ligará todos os dias para me dar boa noite e irei dormir sorrindo como se o seu amor pudesse solucionar todos os meus problemas. Iremos caminhar de mãos dadas até a praça, ao shopping, à praia. Você irá conhecer minha família – que te amarão – e eu a sua. A nossa intimidade aumentará, eu irei te dizer que o amo todos os dias, terei ciúmes até das suas amigas de infância e brigaremos por isso. Eu chorarei por sua causa, farei poesias idiotas a respeito, reclamarei de você para minhas amigas e elas falarão para eu não ligar, afinal, você é um babaca. Logo após ficaremos bem. Melhores do nunca, na ver…